Páginas

29 de abr de 2010

Já está decidido: Voto nulo nesta eleição!

Nunca foi a minha intenção deste blog falar de política, o máximo que já falei foi sobre a Blogueira Cubana e Hugo Chávez, mas falar sobre a nossa política nunca foi o objetivo principal ou secundário daqui. Porém, leio muito sobre o assunto em blogs de ambos os lados, mas para um lado do que para outro, mas acompanho e vejo opiniões diversas. Infelizmente nesta eleição percebo uma verdadeira guerra sendo travada entre blogs, sites, twitter e etc e isto está me desanimando de tal forma que resolvi votar nulo, mas também tem a questão que nenhum candidato me pareceu a altura do cargo, ou seja, se não vejo nenhum com capacidade suficiente para assumir tal posto, a única forma de demonstrar isto é votando nulo.
Com relação à Dilma, não consigo separar dela o fato de sua participação em grupo de esquerda, que mesmo que com boas intenções, pregrava a luta armada (luta armada é luta armada mesmo e não jogo de expressão). Mesmo que ela nunca tenho feito algo como se diz por aí, ela aceitava as atitudes de seu grupo. É o mesmo que uma pessoa entrar no PCC e não participar dos atos. Entrou no PCC pressupõe que se aceita os atos do mesmos. Além do mais, o PT também me desagrada em outros aspectos, como na questão da reforma agrária, que realmente está lerda, e quando faz é mal feito, onde há vários assentamentos sem a mínima estrutura e ao mesmo tempo faz vistas grossas para quem invade propriedade alheia, mesmo que a mesma seja improdutiva. Quero ver se os invasores se fossem os donos daquela terra iriam gostar de ter as suas terras invadidas. Com relação à educação, estamos até avançando na questão universitária, mas continuamos pecando na formação básica, isto não quer dizer que devemos condicionar o Bolsa-Família às notas, o que considero um absurdo, mas sim melhorar a qualidade do corpo docente, porque os universitários são só uma pequena parte de todo o contingente estudantil deste país.
Com relação ao Serra, não sei se ele teria pulso firme (leia-se: ser rápido para promover mudanças. Se for usar como exemplo, a demora da sua decisão para a candidatura estamos fritos) para administrar um país como o Brasil, e principalmente, depois desta guerra virtual que o PSDB está promovendo (leia-se Graeff) contra a candidata Dilma (quem lê Nassif sabe do que eu falo) como ficaria as alianças políticas (coisa que eu detesto) para conseguir apoio no Congresso. Também não sinto confiança se Serra dará a continuidade devida ao melhores programas feitos pelo Governo. Serra e o PSDB depois que viraram oposição mudaram muito e isto me preocupa.
Heloisa Helena e Marina Silva, são duas candidatas que aparentam ter boas intenções, mas como diz o meu pai: De boa intenção, o inferno está cheio. Na realidade, as duas podem bater de frente com diversos setores da sociedade, e setores de peso, e simplesmente travar o país com suas políticas. Também, com elas no poder fica difícil imaginar qual será o tipo de aliança que ambas vão promover para governar o país.
Ambas tem histórias de vida parecidas, e visam muito o lado ambiental, mas terão o apoio necessário da sociedade para as mudanças que elas desejam? Será que a sociedade, no caso de uma delas ganharem a eleição não se voltará contra? Até que ponto o que o povo decidiu no voto vale realmente? Até que ponto aquilo que foi proposto durante o debate até a eleição vale de fato após a posse para a sociedade?
Por tudo isto é que neste ano, o meu voto será nulo.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...